ADEPTOLIVA aprova Relatório de Contas 2016 com saldo positivo e cumpre objectivo de abater o passivo da Associação

Download PDF

eptolivaNa Assembleia Geral da ADEPTOLIVA, que contou com uma significativa participação dos seus promotores associados, o Presidente da Direção, Daniel Dinis Costa, prestou várias informações sobre o trabalho desenvolvido pela EPTOLIVA, com especial destaque para a apresentação do Relatório de Gestão e Contas de 2016, o qual foi aprovado por unanimidade. De registar que pelo quinto ano consecutivo, a Associação para o Desenvolvimento do Ensino Profissional nos Concelhos de Oliveira do Hospital, Tábua e Arganil (ADEPTOLIVA), registou um resultado líquido positivo no ano de 2016, fruto de uma gestão rigorosa, equilibrada e transparente. O Presidente da Direção referiu que “Mais importante ainda, a Direção orgulha-se de apresentar o melhor resultado líquido de sempre, que permite abater totalmente o passivo da Associação que se prolongava há vários anos. Este foi um objectivo traçado desde que a actual Direção tomou posse e que se deve principalmente ao aumento verificado na rubrica de subsídios à exploração, resultante do aumento do número de alunos, assim como na continuidade da gestão eficiente e rigorosa dos recursos existentes na ADEPTOLIVA e na redução dos gastos com financiamento externo”.Foi também aprovada na Assembleia Geral a oferta formativa a propor pela EPTOLIVA para o triénio de 2017-2020, sendo de referir que na sede em Oliveira do Hospital e pólo de Tábua estão abertas as inscrições para os Cursos Profissionais de Turismo, Multimédia, Eletrónica Automação e Comando, Manutenção Industrial na variante de Mecatrónica Automóvel, Design, Animação Sociocultural, Recursos Florestais e Ambientais, Auxiliar de Saúde e Artes do Espectáculo/Interpretação. O Presidente da ADEPTOLIVA apresentou à Assembleia Geral as linhas de intervenção estratégicas para o ano de 2017, sendo de destacar a aposta clara na melhoria da qualidade do projecto educativo, sustentado pelos indicadores de resultado, onde a taxa de abandono escolar de 0,05%, o nível de empregabilidade de 80% e a taxa de prossecução de estudos de 16% atingidos em 2016, sejam continuados e melhorados no ano lectivo em curso. Após ter sido dado nota na Assembleia Geral do trabalho meritório da EPTOLIVA, que tem recebido o reconhecimento externo de muitas entidades, em especial no que diz respeito à promoção do empreendedorismo, Daniel Dinis Costa, reiterou o seu agradecimento propondo um voto de reconhecimento a todos os alunos e professores que têm contribuído para sucesso educativo, científico e tecnológico da EPTOLIVA. “É com base neste trabalho conjunto que a Direção da ADEPTOLIVA continuará a apostar num ensino profissional de excelência, que tornam a EPTOLIVA uma marca de referência na região”. Um agradecimento especial foi também feito aos promotores e naturalmente aos associados efectivos da ADEPTOLIVA, Municípios de Oliveira do Hospital e Tábua, nas pessoas dos seus respectivos Presidentes, Prof. José Carlos Alexandrino e Sr. Mário Loureiro. Numa Assembleia cujos assuntos foram fortemente evidenciados no sucesso financeiro e pedagógico da EPTOLIVA, bem como na relevância que esta Escola tem tido nos territórios da sua abrangência, o Presidente da Mesa, Dr. Miguel Ventura, propôs um voto de louvor à Direção, Colaboradores e Alunos pela excelência do trabalho desenvolvido, que foi aprovado por unanimidade.