VIII Mostra de Sabores e Lavores Tradicionais em Vila Cova em constante crescimento

Download PDF

A VIII Mostra de Sabores e Lavores Tradicionais que arranca hoje em Vila Cova de Alva, prolongando-se até domingo tem crescido de ano para ano, contando nesta edição com cerca de trinta expositores. A decorrer na Praça Central da aldeia, o evento é organizado pela União de Freguesias de Vila Cova de Alva e Anceriz, contando com o apoio do município de Arganil e das instituições da União de Freguesias. “Este ano, vamos ter um número crescente de expositores”, revelou com satisfação Andreia Paiva, sublinhando que esta edição terá “novidades ao nível dos grupos que vão actuar”, uma vez que, sustentou a secretária da União de Freguesias, “tentamos sempre melhorar o programa e trazer novos grupos”, referindo-se a grupos oriundos não só do concelho de Arganil, mas de concelhos vizinhos. Assim sendo, hoje irão subir ao palco, a Tocata do Rancho “As Flores de Casal de São João”, a Filarmónica Pátria Nova de Coja e o Grupo de Concertinas Sons e Suadelas. Amanha, será a vez do Grupo Melodias e Tradições da Beira Serra, de Vila Pouca da Beira, do Grupo de Cantares de Santa Ovaia, do Rancho Folclórico “As Flores”, de Casal de São João, da Tuna Mouronhense, da Filarmónica Flor do Alva, do Grupo Etnográfico da Santa Casa da Misericórdia de Vila Cova de Alva e o Grupo de Fados “Fado ao Centro” de Coimbra. No domingo, ultimo dia do certame, a animação estará a cargo do Grupo Etnográfico Raízes de Sobral Gordo, da Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Coja, da Filarmónica Barrilense e do Grupo de Concertinas Sons e Tradições do Alva, de Penalva de Alva. Alem de todos estes espectáculos, os visitantes, ao longo destes três dias, vão poder degustar diversos produtos gastronómicos da região, como o queijo, os enchidos, o bucho, os licores, os doces tradicionais e a broa caseira, entre outros, e adquirir diversas peças de artesanato nos expositores presentes. A cultura também não foi esquecida, estando agendado para esta noite, pelas 19h:45 a apresentação de poemas ao “Nosso Jeito”, de autores da União de Freguesias, enquanto que amanha pelas 16h:00 terá lugar o lançamento do livro, “Uni Versos do Sonho”, de Silvino Lopes.vila