“São Martinho da Cortiça – freguesia a descobrir”

Download PDF

rui-franco“São Martinho da Cortiça – freguesia a descobrir” é o titulo do novo site da referida freguesia que por enquanto ainda só está disponível através de um link na actual página da Junta e que pretende essencialmente “divulgar as riquezas naturais, gastronómicas e culturais desta zona”. A apresentação oficial teve lugar sábado, no auditório da Casa da Cultura local e reuniu muitos São Martinhenses e amigos. Ao consultar o site, da responsabilidade do casal Conceição Ramos e Carlos Lemos, ficará a saber desde logo “como chegar”, “o que visitar”, onde comer” e “o que fazer”, estando ainda disponível a história da freguesia, escrita pela professora Regina Anacleto, alguns serviços de apoio ao turista e os principais eventos da região. “Este site nasce da necessidade que existe de promover a nossa freguesia e mostrar às pessoas que nos querem visitar as nossas riquezas naturais, gastronómicas e a excelência das pessoas que habitam neste território”, sublinhou Rui Franco, confessando que “queremos partilhar essa riqueza com todos aqueles que ainda não nos conhecem e que nos irão visitar”. “Somos uma pequena pérola escondida ainda por descobrir”, declarou o presidente da Junta de Freguesia de São Martinho da Cortiça, esclarecendo que esta página “não é mais do que um ponto de partida para um trabalho muito sério e intenso que temos de realizar daqui para a frente nesta área”. Recordando que “o turismo é uma fonte de riqueza quando bem trabalhado e é o que nós temos, o turismo de natureza, e com a ajuda de todos com certeza vamos entrar dentro da rota dos turistas na região centro do país”, o autarca local, acrescentou ainda que, “pretendemos também promover a criação de mais alojamento local”, afirmando que “derivado ao extraordinário espelho de água que temos e à nossa grande riqueza natural podemos ter oferta também para o público mais jovem, através da criação de pacotes turísticos para a família”. Alegando que “é necessário diversificar a oferta”, Rui Franco adiantou que “este site não será estático”, muito pelo contrário, pois na opinião do autarca, “tem de ser dinâmico, trabalhado por todos nós, com as ideias e sugestões, sobretudo daqueles que estão ligados à actividade turística”. Entretanto este projecto de divulgação da freguesia contempla, para além desta página na internet, a produção de postais. “Já produzimos a primeira colecção e há também material fotográfico para exposições mas temos de ir avançando de acordo com as disponibilidades”, adiantou, o autarca.