Rogério Leal preocupado com desertificação no Barril de Alva

Download PDF

Foto Barril“Ajudem a manter esta Casa”. O apelo é de Rogério Costa Leal, presidente da direcção, da Associação Humanitária e Social da Casa do Povo do Barril de Alva e foi deixado aos utentes e associados desta colectividade aquando da realização da Assembleia Geral.  “Há dois anos que não nasce aqui uma criança e já morreram muitas pessoas”, lembrou com pesar o dirigente, sublinhando que o Barril de Alva “foi sempre uma freguesia dinâmica, mas perdemos a freguesia e hoje apenas resta esta Casa e ali em baixo a Filarmónica”. Rogério Leal recordou ainda que a Associação Humanitária e Social da Casa do Povo do Barril de Alva é uma instituição que, “além de ajudar os idosos que vivem na solidão, cria postos de trabalho, sendo o único empregador da terra e, quando acabar, acaba o Barril de Alva”. A reunião ordinária tal como já vem sendo hábito nos ultimos tempos contou com poucas presenças. “Somos os que somos, deveríamos ser mais”, afirmou Pedro Madeira, presidente da Assembleia Geral que deu a palavra ao presidente da direcção para dar a conhecer o relatório e contas de 2015.

Categoria: Notícias

Comentários fechados.