Produtos Biológicos e Agrícolas – Oliveira do Hospital

Download PDF

IMG_3297No passado sábado, 13 de junho, a Mostra de Produtos Biológicos e Agrícolas em Modo de Produção Tradicional de Oliveira do Hospital – “Da Nossa Terra” completa o seu quinto aniversário com a realização de uma edição especial. A mostra esteve de portas abertas entre as 8H00 e as 13H00, como é habitual, no Mercado Municipal onde os produtores locais e da região irão vender os seus produtos frescos, genuínos e de qualidade.

            Promovida pelo Município de Oliveira do Hospital (MOH) e pela ADI – Agência para o Desenvolvimento Integrado de Tábua e Oliveira do Hospital, “Da Nossa Terra” apresenta-se com mais bons motivos que convidam a uma visita ao certame. Além dos produtos “vindos da terra” haverá animação musical durante toda a manhã e será dinamizada a exposição “Deixa a Tua Marca” que reúne os trabalhos realizados por alunos do pré-escolar e 1.º Ciclo do Ensino Básico do concelho, no âmbito deste projeto de sensibilização ambiental.

            Quando se assinalam cinco anos de realização ininterrupta, “Da Nossa Terra” regressa ao espírito das origens, e pelo meio dia será servida uma sopa com a colaboração da Liga de Iniciativa e Melhoramentos de Travanca de Lagos.

            Com um estatuto de excelência, “Da Nossa Terra” realiza-se sempre no segundo sábado de cada mês e é procurada por diferentes segmentos de consumidores que ali encontram produtos tradicionais de excelência trazidos pelos agricultores e produtores artesanais. Ao longo do ano, as bancas do mercado enchem-se com a diversidade dos produtos da época, hortícolas e frutícolas, a que se junta o fumeiro, o azeite biológico, o queijo, as compotas e o mel, os licores, a pera passa ou o pão e biscoitos, entre muitos outros.

            Pioneira na região, esta Mostra de Produtos Biológicos e Agrícolas em Modo de Produção Artesanal de Oliveira do Hospital há muito que ultrapassou as fronteiras do concelho de Oliveira do Hospital. Representa um apoio à pequena economia agrícola de cariz familiar e um incentivo ao desenvolvimento desta atividade, e entrou definitivamente nos hábitos de consumo de todos aqueles que preferem produtos de qualidade a preços mais baixos.

            Numa altura em que este mercado comemora os seus cinco anos ininterruptos de atividade é de realçar que o Ministério da Agricultura vem, em 2015, reconhecer este tipo de iniciativas, promovendo neste momento a opção pela criação dos designados “mercados de proximidade”, ou seja espaços que permitam a colocação junto dos consumidores da agricultura em modo de produção tradicional, de raiz familiar, ou modo de produção biológica.

            A mostra “Da Nossa Terra” é hoje considerada um modelo de boas práticas em termos de pequenos mercados que aproximam as produções “da quinta e do quintal” aos consumidores de produtos frescos, da época, vindos diretamente dos produtores.