“Pedaços de Vida” dá inicio á comemoração do Dia Mundial dos Avós em Arganil

Download PDF

“Pedaços de vida”, é o título da exposição patente no auditório da Biblioteca Municipal Miguel Torga, em Arganil até ao final do mês. Em causa está uma mostra fotográfica, que retrata o dia-a-dia dos utentes dos Centros de Dia do concelho de Arganil, da responsabilidade do estúdio fotográfico Ideal Concept, numa iniciativa dinamizada pelo CLDS e inserida num vasto programa que esta instituição preparou para assinalar o Dia dos Avós. A exposição foi efectuada para a gala solidária que ocorreu em Maio, porém, como começou por explicar aquando da inauguração da mostra, Elisabete Oliveira, “sentimos logo que o trabalho que aqui está feito teria que ser replicado por outros locais”, sublinhando que “esperamos que seja a primeira de outras saídas e que este trabalho possa chegar a mais pessoas, que as possamos contagiar com esta vida dos retratos”. A coordenadora do CLDS, frisou ainda que os fotógrafos – Vânia Silva e Bruno Brito – que passaram por várias instituições do concelho, “revelaram desde logo uma total abertura para que este trabalho se pudesse realizar”, adiantando que a ideia para a exposição estar também patente na Biblioteca foi da vereadora Paula Dinis, que “sugeriu que fosse o começo da comemoração do Dia dos Avós”. Já a vereadora, felicitando os fotógrafos pelo “trabalho magnífico que aqui nos trazem”, considerou que “têm aqui umas fotos belíssimas, retratos que ficam na memória”. “É com muito orgulho que recebemos esta exposição na nossa biblioteca, um trabalho de qualidade”, afirmou ainda a vereadora da cultura na autarquia Arganilense. Por seu lado, Bruno Brito, confessou ter-se tratado de “uma experiência muito boa, estarmos a trabalhar com os sentimentos de cada um e é isso que mais gostamos de retratar nas nossas imagens”. O representante da Ideal Concept garantiu ainda que nas imagens retratadas “temos a expressão natural dos utentes, não há aqui nada programado, as fotografias são o mais natural possível, é o sentimento e o dia-a-dia daquela pessoa que está ali retratado”. O dirigente, recordou ainda que de facto a mostra foi elaborada para a já referida gala solidária, reforçando todavia que, “não podia ficar só por aqui, tínhamos que tentar colocá-la noutro local para que todos pudessem ver o dia-a-dia destas pessoas, que são muito alegres”, confessando que será uma exposição que “irá sempre fazer parte de nós”. Entretanto na próxima quarta feira, Dia dos Avós, terá lugar durante todo o dia a iniciativa “visita de afectos”, em que duas enfermeiras e um médico irão visitar as pessoas que se encontram mais isoladas em algumas freguesias do concelho e, á noite, será efectuada, na Biblioteca Municipal de Arganil, a apresentação do livro, “Os avós conseguem sempre que seja Verão”, de Cristina Fonseca. Por fim, no domingo, dia 30 de Julho, terá lugar a “Festa dos Avós” no Parque da Nossa Senhora das Necessidades, na Benfeita, contando com a participação de quatro grupos do concelho, nomeadamente, a Tuna Cantares de Coja, Rancho Folclórico Rosas de Coja, Grupo Coja a animar e Grupo de Bombos de São Nicolau.DSC_0110DSC_0114