O meu país” da Casa da Esquina em cena na Cerâmica Arganilense

Download PDF

teatro-arganilA Cerâmica Arganilense recebe no próximo dia 13 de Maio, sob o programa “Outras Vozes, Outra Gente” – Mostra em rede de teatro documental”, a peça de teatro “O meu país” da Casa da Esquina, a segunda peça de três, a levar a cabo durante este ano.“Outras vozes, outra gente”, projecto produzido pela Cooperativa Hermes, sublinha o propósito de dar voz, através de espectáculos teatrais, a quem dela se vê frequentemente privado por diversas razões que se situam no campo político, económico e social, sendo o mote que une os diversos espectáculos de teatro a ocorrer em Mortágua, Tábua, Condeixa-a-Nova, Miranda do Corvo, Arganil e Coimbra, bem como outras actividades paralelas, pensadas como uma forma de complementar esta Mostra, através de um projecto pedagógico que se pretende interventivo, elucidativo e formativo. Este espectáculo, uma estreia absoluta na Cerâmica Arganilense, intitula-se “O meu país” e é um prolongamento da peça “O Meu País é o que Mar Não Quer”,uma peça construída a partir do relato pessoal do actor que dá corpo e voz à peça, bem como, a partir de relatos e testemunhos de emigrantes portugueses que se viram obrigados a abandonar a sua casa, devido às medidas austeras da TROIKA e do Governo Português.