Município e Junta de Freguesia de Penacova visitam requalificação do acesso à EN 110

Download PDF

O Executivo Municipal de Penacova liderado por Humberto Oliveira visitou hoje o recentemente edificado Estaleiro da Junta de Freguesia de Penacova, localizado na antiga Escola Primária da Cheira, edifício que alberga igualmente as sedes do Rancho Folclórico “Os Unidos” da Cheira e do Coro Vox et Communio – Associação Cultural de Penacova.

Presentes na visita, Vasco Viseu e Alcino Francisco, respetivamente presidente e membro do executivo da Junta de Freguesia de Penacova, salientaram a importância da necessidade da construção deste espaço e da sua centralidade, permitindo que os funcionários e colaboradores da Junta de Freguesia, “tenham aqui centralizado e organizado tudo o que é necessário para o bom exercício da sua atividade”.

Após esta visita, a comitiva dirigiu-se para a Estrada da Mata, no lugar da Cheira, local recentemente intervencionado pela Junta de Freguesia de Penacova. Humberto Oliveira, Presidente da Autarquia, referiu a importância desta intervenção dado que a estrada se encontrava bastante danificada. “A estrada da Mata é muito utilizada por quem chega pela EN110, por quem vem ao centro de saúde, obviamente pelos seus moradores, e era urgente intervir. Foi exatamente isso que o Executivo da Junta de Freguesia de Penacova fez, interveio, em cooperação com o Município”.

Pedro Coimbra, presidente da Assembleia Municipal de Penacova, referiu que, “as Juntas de Freguesia têm um papel fundamental junto das populações, elas respondem de uma forma muitas vezes mais célere e com maior proximidade. É por isso que, para as Câmaras Municipais e, nomeadamente, para a Câmara de Penacova, é importante aprofundar esta política de proximidade que tem vindo a ser desenvolvida ao longo dos últimos mandatos, quer no apoio à concretização de projetos, como este da pavimentação da Estrada das Malhadas, um dos principais acessos a Penacova, quer na cedência de edifícios que, correndo o risco de se tornarem devolutos, encontram nova utilidade ao serviço da comunidade”.