Município de Góis hasteou Bandeira Azul em duas praias fluviais

Download PDF

A presidente da Câmara de Góis considerou que o incêndio que assolou o concelho há cerca de duas semanas não deverá afectar a procura turística do município, que hoje hasteou bandeira azul em duas praias fluviais.”Houve um momento menos bom, quando foi amplamente divulgada a floresta a arder e populações a serem evacuadas, em que existiu alguma retracção de pessoas que pudessem estar a pensar vir para Góis”, disse à agência Lusa Lurdes Castanheira.A autarca salienta que o concelho de Góis, no interior do distrito de Coimbra, com quase 300 quilómetros quadrados, “não se resume” à área ardida que consumiu uma mancha florestal de cerca de 10 mil metros quadrados.”O conjunto de Góis, que é verde e tem toda a beleza do rio Ceira, Sótão e Sinhel, tem todas as condições para continuarmos a atrair turistas e esquecer um pouco a vaga de incêndios”, sublinhou Lurdes Castanheira, que aposta numa mensagem positiva das potencialidades do município.Na manhã de hoje, a presidente da autarquia começou por hastear a bandeira azul de ouro e praia acessível da Peneda, mesmo no centro de Góis, que é atravessado pelo Rio Ceira, um dos afluentes do Mondego. A praia possui uma vasta área relvada nas margens, com boas infra-estruturas de apoio, em que não falta uma ilha de areia e uma esplanada sobre o rio com vista para a ponte Joanina de Góis.bandeira foto doisA seguir, a autarca hasteou a bandeira azul e de praia acessível nas Canaveias, também no rio Ceira, na freguesia de Vila Nova do Ceira.”Estes galardões constituem-se como atractivos e pontos de interesse que podem promover a vila e o concelho, com repercussões no número de visitantes, e representam o nosso trabalho e o compromisso que temos com os nossos parceiros e connosco próprios de termos a melhores praias fluviais”, sublinhou. Lurdes Castanheira considera que as praias fluviais do concelho têm potencialidades para continuarem a aumentar o número de visitantes, “porque além da beleza própria, ostentam três galardões que atestam a grande qualidade das águas e se constituem atractivos maiores”. A presidente do município adiantou ainda que vai avançar no final da época balnear com a criação de uma praia fluvial em Alvares, no rio Sinhel, e a construção das respectivas infra-estruturas e equipamentos de apoio.