Lisa Simões reeleita presidente da direcção da União Recreativa Sarzedense

Download PDF

Lisa Simões foi reeleita para mais um mandato á frente da União Recreativa Sarzedense. A única lista que se apresentou a sufrágio, é exactamente a mesma que lá se encontra á dois mandatos consecutivos, continuando com a particularidade de ser constituída na direcção unicamente por mulheres. Assim sendo a acompanhar Lisa Simões, como vice-presidente, Cintia Neves, secretárias, Rita Neves e Juliana Ramos e como tesoureira, Alice Ricardo. Como presidente da Assembleia Geral António Carvalhais e como presidente do Concelho Fiscal Antonino Bicho. Na Assembleia Geral, que elegeu a única lista que se apresentou a sufrágio por unanimidade, com 35 votos a favor, foi ainda efectuado um balanço do trabalho desenvolvido e dado a conhecer o plano de actividades para o corrente ano. Nesse âmbito Lisa Simões começou por assegurar que o “Posto do Médico continuará, mantendo o protocolo com a Administração Regional de Saúde do Centro, mantendo-se também o serviço quinzenal a favor da população através de um protocolo com a Rede Local de Intervenção Social”. No que respeita lisa-simoes-e-alguns-elementos-da-sua-equipaá vertente desportiva, o grupo de BTT, irá participar na maratona do Campeonato Regional do Centro, em maratonas na freguesia e fora dela, disputando também o Troféu de Maratonas da Beira Interior. O futsal, garantiu a dirigente, “continuará a ser outra modalidade que enriquecerá a União, mantendo a sua dinamização e a continuação na Liga de Futsal Sénior do Inatel, mantendo a equipa infantil e prevendo-se a criação de uma equipa de juniores”, acrescentando que também a ginástica quer para as crianças da escola quer para os adultos também se irá manter. As pasteleiras e iniciativas á volta destas bicicletas antigas, também não irão faltar, com digressões pelo concelho e concelhos limítrofes e a organização da denominada Feira do Pedal, que consiste essencialmente na troca de material de pasteleiras, assim como as marchas de São João que continuarão a ter lugar e as já habituais matanças de porco. O grupo de bombos “Zés Pereiras”, que também integra a colectividade, “também continuará com a sua missão de participar em eventos dentro e fora do concelho”, frisou a presidente de direcção reeleita. Em termos de projectos, a prioridade para este mandato será “a melhoria da cobertura do edifício, com a colocação de um telhado novo”, e nesse sentido a também bibliotecária informou que “após a regulamentação do novo Quadro Comunitário de Apoio e das medidas existentes no que concerne aos serviços básicos para a população rural e, dependendo da existência de uma medida que o permita, a direcção propõe-se a elaborar uma candidatura que permita a melhoria das nossas instalações”.