Filarmónica de Arganil apresentou novo maestro

Download PDF

FilármonicaA Associação Filarmónica de Arganil apresentou domingo, aquando da realização do seu concerto de Primavera, o seu novo maestro. Escusando-se a mais pormenores mas recordando que “o maestro que estava foi embora”, por decisão da direcção, Artur Dinis revelou ao RCA noticias que Henrique Pereira, professor do Conservatório de Música de Coimbra, é o novo maestro da filarmónica. O presidente da direcção da Associação Filarmónica de Arganil disse ainda que Henrique Pereira é oriundo de Cantanhede, reputando-o como sendo “um indivíduo com bastante conhecimento nesta área da música”. Lembrando que “antigamente, um maestro mantinha-se trinta ou quarenta anos numa banda”, o dirigente explicou que “hoje em dia não é assim, também derivado à faixa etária que a banda tem”, acrescentando que “é bom que os maestros estejam num ciclo de três ou quatro anos e que depois sejam substituídos por outros para que as pessoas não desmotivem e continuem com entusiasmo e dedicação à banda”. Artur Dinis recordou ainda que se encontra a decorrer uma campanha para aquisição de novo fardamento. Sublinhando que “todas as ajudas são bem-vindas”, o também empresário Arganilense confessou que “não é fácil arranjar dinheiro e o fardamento para tanta gente”. “Fica-nos caro”, declarou. Assegurando no entanto que “alguns fardamentos já estão garantidos”, o dirigente aproveitou para dar a conhecer que “um fardamento fica em cerca de 100 euros”, frisando porem que “quem quiser pode oferecer uma farda ou, por exemplo, só um casaco ou umas calças”. “O ano passado fizemos uma campanha para os instrumentos, foi onde se gastou mais dinheiro, cerca de 10 mil euros”, lembrou ainda, afirmando que, este ano, “temos de juntar a qualidade musical à boa apresentação da filarmónica e dos seus músicos”.